|
|

Private equity: como identificar uma boa oportunidade de investimento?

O mercado privado brasileiro oferece uma gama de oportunidades promissoras, principalmente através de investimentos em private equity e venture capital.

Compartilhe

O mercado privado brasileiro oferece uma gama de oportunidades promissoras, principalmente através de investimentos em private equity e venture capital. No caso do private equity, o objetivo é identificar empresas com bom potencial de crescimento, que já estejam consolidadas em seus respectivos setores, mas que ainda buscam uma expansão e aquisições estratégicas. 

Você vai aprender mais sobre os seguintes assuntos lendo este blog:

  1. Private equity e seus setores em ascensão 
  2. Histórico de desempenho das empresas 
  3. Equipe de gestão competente 
  4. Potencial de valorização 
  • Private equity e seus setores em ascensão 

As oportunidades no mercado de private equity estão distribuídas em diferentes setores da economia. Recentemente, empresas que desenvolvem soluções tecnológicas vem chamando atenção dos investidores de private equity – assim como os de venture capital, que foca justamente em empresas tech. Setores como inteligência artificial, blockchain, cibersegurança e tecnologia financeira, ou fintechs, têm apresentado um crescimento expressivo e oferecem oportunidades promissoras.

Outro setor que segue em expansão é o de saúde, impulsionado por avanços tecnológicos e aumento da demanda por serviços de qualidade. Investimentos em empresas de biotecnologia, saúde digital, diagnóstico médico e cuidados domiciliares têm se mostrado atrativos para fundos e gestoras de private equity.

Centenas de bilhões: por ser um segmento da economia com alguns problemas de eficiência e desigualdades, o setor de saúde é uma tendência promissora globalmente, com a expectativa de que o mercado atinja o tamanho de US$ 504 bilhões até 2025, segundo a consultora Global Market Insights.

Aprenda mais:

É possível observar também a crescente conscientização acerca da sustentabilidade e das mudanças climáticas, o que faz com que as energias renováveis estejam em alta. Sendo assim, modelos de negócios que trabalham com energia solar, eólica, biomassa e armazenamento de energia têm atraído interesse significativo do private equity, que reconhece o potencial de crescimento desse setor.

  • Histórico de desempenho das empresas 

Ao analisar uma oportunidade de investimento em private equity, o histórico de desempenho das empresas é um fator essencial a ser considerado. Essa análise detalhada permite avaliar a saúde financeira, o crescimento consistente, a eficiência operacional e a capacidade de geração de valor ao longo do tempo.

É importante observar a evolução das receitas e lucros ao longo dos anos, bem como o comportamento durante períodos econômicos desafiadores. As companhias com histórico de crescimento resiliente podem ser um sinal de uma gestão sólida e uma estratégia de negócios bem-sucedida.

Além disso, compreender seu setor de atuação é essencial. Investir em negócios que atuam em ecossistemas com perspectivas promissoras e potencial de expansão pode ser mais vantajoso a longo prazo.

Leitura rápida: 

Mercado promissor: por mais de duas décadas, o private equity tem superado os rendimentos da bolsa de valores americana, registrando um desempenho três vezes superior. De acordo com um estudo realizado pela Cambridge Associates, entre os anos de 2001 e 2021, o private equity obteve um retorno de mais de 1100%, em comparação com apenas 300% do S&P 500.

  • Equipe de gestão competente 

Uma equipe de gestão competente desempenha um papel fundamental para alcançar o sucesso de uma companhia. Ter líderes experientes e capazes de conduzir a estratégia de crescimento é um dos principais pilares para obter retornos expressivos. Em paralelo, um time responsável por tomar decisões estratégicas, implementar planos de ação e alocar recursos de forma inteligente colabora para o crescimento sustentável e a maximização do valor da empresa ao longo do tempo.

Leia antes de sair: 

Suas habilidades permitem identificar oportunidades de mercado, antecipar tendências de private equity e adaptar-se a mudanças econômicas e setoriais. Além disso, uma boa gestão também é crucial para superar desafios e crises que possam surgir ao longo do caminho.

  • Potencial de valorização 

Um dos principais fatores que chamam a atenção de investidores interessados no private equity é o potencial de valorização das empresas. Ao aportar em empresas com perspectivas promissoras, esses investidores têm a oportunidade de colher retornos expressivos no longo prazo.

Crie sua carteira administrada e invista em private equity com a DXA Invest

A busca por essas oportunidades começa com uma análise minuciosa do mercado em que atuam e das tendências setoriais. Investir em setores em crescimento ou em empresas com propostas inovadoras pode abrir portas para grandes valorizações.

Case de sucesso: desde 2011, a gestão das operações do Burger King no Brasil, rede de fast-foods, está sob o controle da BK Brasil, uma empresa resultante da parceria estabelecida entre a Burger King Corporation e a Vinci Partners, uma gestora de private equity

Publicado por Equipe DXA Invest.

Agradecemos pelo interesse! Entraremos em contato em breve.
Não foi possível enviar! Por favor, tente novamente.
PT