|
|

Como o private equity pode ajudar a reestruturar empresas em dificuldades

Em sua essência, o private equity envolve o aporte financeiro de investidores em empresas que buscam evoluir estrutural e financeiramente.

Compartilhe

Em sua essência, o private equity envolve o aporte financeiro de investidores em empresas que buscam evoluir estrutural e financeiramente. Ao contrário dos investimentos na bolsa, onde as ações são negociadas publicamente, o private equity se concentra em investir diretamente em empresas privadas, o que pode oferecer uma influência mais direta, além de uma participação na gestão das companhias.

Leia agora os temas a seguir: 

  1. O que é preciso entender sobre private equity 
  2. Entenda o impacto do private equity na reestruturação de empresas em crise
  3. Empresas de sucesso que contaram com o investimento de private equity 
  • O que é preciso entender sobre private equity 

Um dos principais aspectos a se compreender sobre o private equity é o seu caráter de investimento em empresas já desenvolvidas, a longo prazo. Tanto os fundos, gestoras ou investidores individuais de private equity, geralmente possuem prazos mais estendidos, atuando de forma mais abrangente no aprimoramento da estruturação financeira e operacional das empresas em que investem.

Se aprofunde no tema: 

Outro viés relevante é a diversidade de setores em que o private equity atua. Essa modalidade de investimento pode abranger várias indústrias e setores, o que acaba proporcionando uma abordagem versátil e adaptável às necessidades específicas de cada negócio em reestruturação.

  • Entenda o impacto do private equity na reestruturação de empresas em crise

É importante destacar que o private equity não se limita apenas à injeção de recursos financeiros. Os investidores desse segmento costumam possuir networking em larga escala, o que lhes permite oferecer suporte estratégico e operacional para empresas em dificuldades.

Como já explicado anteriormente, uma das principais formas pelas quais o private equity impacta positivamente empresas em crise é por meio do aporte significativo de capital, que entrega a liquidez necessária para a companhia retomar suas operações, investir em projetos estratégicos e pagar dívidas.

Otimize seu aprendizado: 

O private equity ainda possui uma abordagem mais ativa em relação à gestão das empresas em que investe, protagonizando um papel mais proativo, com participação em decisões estratégicas e operacionais da empresa, como através da nomeação de novos gestores, implementação de políticas de reestruturação, otimização de processos internos e reavaliação da estratégia de negócios.

  • Empresas de sucesso que contaram com o investimento de private equity 

A rede de fast-food Burger King é um dos casos mais conhecidos de sucesso com a participação do private equity. Em 2010, o fundo de private equity 3G Capital adquiriu a rede e implementou uma série de mudanças estratégicas. O 3G Capital reorganizou a gestão da empresa, otimizou a operação, ampliou a presença global da marca e investiu em campanhas de marketing. Como resultado, a rede de fast-food cresceu e valorizou significativamente após seu IPO – em português, Oferta Pública Inicial – em 2012.

A Petz, uma das maiores redes de pet shops do Brasil, também teve uma trajetória de sucesso com o suporte do private equity. Em 2013, a empresa recebeu investimento do fundo Warburg Pincus. Com a expertise e o capital aportados, a Petz expandiu sua presença, aprimorou a experiência do cliente e fortaleceu sua atuação no mercado de produtos e serviços para animais de estimação. Posteriormente, em 2020, a empresa abriu seu capital na B3, se consolidando como um dos principais players do setor.

Leia antes de sair:

Já a tradicional marca brasileira de sandálias Havaianas, foi adquirida pelo fundo de private equity GP Investimentos, em 2003. O GP implementou uma série de estratégias para reposicionar a marca no mercado global, investindo em design, marketing e expansão internacional. A marca se tornou um ícone de estilo e qualidade e, posteriormente, a Alpargatas, proprietária da Havaianas, também abriu seu capital na B3.

Invista agora mesmo em private equity

Publicado por Equipe DXA Invest.

Agradecemos pelo interesse! Entraremos em contato em breve.
Não foi possível enviar! Por favor, tente novamente.
PT